Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/13128
Título: Teoria da literatura e a formação inicial do professor de literatura em instituições de ensino superior particulares
Autor(es): AGUIAR, Marta da Silva
Palavras-chave: Teoria da literatura; Formação inicial de professores; Ensino de literatura; Saberes docentes; Licenciatura em Letras
Data do documento: 28-Ago-2013
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: A partir da década de 1960, começa a se desenvolver no Brasil um intenso debate acerca da relação literatura/ensino. Entre os aspectos discutidos, encontramos a crítica a um ensino de literatura pautado em uma perspectiva historicista oitocentista ou caracterizado por uma cristalização dos conceitos da Teoria da Literatura. Apesar das transformações ocorridas no âmbito dos Estudos Literários, o professor da Educação Básica parece inapto para assumir uma postura teórico-crítica e reflexiva diante das obras. Esse cenário nos levou a investigar os direcionamentos do ensino de Teoria da Literatura nos cursos de Licenciatura em Letras e suas relações com a formação de professores. A pesquisa de campo foi realizada em 04 Instituições de Ensino Superior (IES) particulares da Região Metropolitana do Recife (RMR) e tinha os seguintes objetivos específicos: a) apreender as concepções de literatura e de Teoria da Literatura dos docentes formadores que lecionam Teoria da Literatura nos cursos de Licenciatura em Letras; b) Averiguar o papel atribuído, pelos docentes formadores, à Teoria da Literatura dentro da formação inicial de professores e no ensino de literatura na Educação Básica; c) Identificar os objetivos estabelecidos para o ensino de Teoria da Literatura nos cursos de Licenciatura em Letras. Do ponto de vista teórico, recorremos a: no campo da Teoria Literária, Wellek e Warren (1976), Compagnon (2010), Souza (1987, 2006) e Eagleton (2006); no campo da formação de professores, Tardif (2011) e Schön (2000); e, sobre o ensino de literatura na Educação Básica e a formação dos licenciandos em Letras, Bordini e Aguiar (1993), Cosson (2006), Cosson e Paulino (2009), Lajolo (1982, 1995, 2008), Zilberman (1982, 1991, 2008) e Leahy-Dios (2000, 2001). Adotamos uma perspectiva dialética, a qual nos permitiu compreender as relações contraditórias e dinâmicas envolvidas no fenômeno estudado e uma metodologia qualitativa. Para a análise dos dados, obtidos através de entrevistas semiestruturadas, aplicação de questionários e análise documental, utilizamos a Análise de Conteúdo proposta por Bardin (1995). Os resultados revelaram que os Projetos Pedagógicos dos cursos coadunam-se com o previsto nas Diretrizes Nacionais para a formação de professores e do profissional de Letras. Tais documentos assentam-se em uma concepção do professor como um profissional prático-reflexivo, capaz de integrar-se em atividades de pesquisa e de colocar-se autonomamente diante da construção do conhecimento, articulando teoria e prática. Contudo, nos programas das disciplinas, notamos forte filiação ao pensamento formal-estruturalista. Os depoimentos dos professores formadores revelaram uma multiplicidade de concepções que vão desde posturas evasivas, revestidas de valores humanistas, frente a questionamentos relacionados aos conceitos de literatura e ensino de literatura e às competências para ensinar literatura na Educação Básica, até o destaque da apropriação do texto literário através da vivência concreta, colocando-se a teoria como um corpo de conhecimentos sistematizados que orientam a nossa reflexão. Também identificamos posições antagônicas, como: a defesa da desconstrução do cânone e dos valores e ideologias que subjazem a sua legitimação, e a percepção da literatura como conjunto de textos clássicos.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/13128
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Educação

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO Marta A. VERSÃO PARA DEPOSITO rev. 8-05-2014.pdf2,57 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons