Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/12180
Título: Avaliação dos efeitos da dietilcarbazina sobre os mecanismos regulatórios da inflamação hepática induzida pelo alcoolismo
Autor(es): Rodrigues, Gabriel Barros
Palavras-chave: Dietilcarbamazina; Doença hepática alcoólica; Inflamação; Fígado
Data do documento: 29-Set-2014
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: A doença hepática alcoólica (DHA) é um termo coletivo para uma série de alterações patológicas que acometem o fígado, que variam de esteatose e esteatohepatite à cirrose e carcinoma hepatocelular. Adietilcarbamazina é um fármaco utilizado no tratamento da filariose linfática desde 1947, que apresenta propriedades anti-inflamatórias devido a sua interferência no metabolismo do ácido araquidônico. O objetivo do trabalho foi analisar a ação da DEC sobre a inflamação hepática induzida pelo alcoolismo, através de análises histológicas, parâmetros bioquímicos, avaliação da expressãode mediadores pró e anti-inflamatórios por meio de imunohistoquímica, imunoflorescência e western blot e avaliação do estresseoxidativo por ensaio imunoenzimático. Sessenta e dois camundongos machos da linhagem C57BL/6 foram divididos nos seguintes grupos:1 ) controle, 2 ) DEC 50 mg/kg , 3 ) álcool, 4 ) álcool + DEC 50 mg/kg , 5 ) álcool + Celecoxibe 50mg/kg 6 ) álcool + PDTC 100mg/kg e 7 ) álcool + PDTC 100mg/kg + DEC 50mg/kg. A análise histológica do grupo alcoólico revelou diversas alterações, como infiltrado inflamatório, esteatose, regiões de necrose e elevada concentração de fibras colágenas. Além disso, este grupo apresentou elevada expressão de todos marcadores inflamatórios, elevação do perfil lipídico e marcador de dano hepático na avaliação bioquímica e redução da atividade da enzima glutationaredutase. O tratamento com a DEC foi capaz de reduzir as alterações histológicas e o conteúdo de colágeno, como redução dos marcadores pró-inflamatório e aumento dos anti-inflamatórios. A DEC também foi capaz de melhorar os parâmetros bioquímicos e aumentar a atividade da glutationaredutase. Estes resultados sugerem o papel benéfico da DEC durante a patogênese da DHA, configurando-se como possível alternativa terapêutica no tratamento de hepatopatias.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/12180
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Ciências Biológicas

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO Gabriel Barros Rodrigues.pdf8,36 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons