Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/12161
Title: Estudo do efeito gastroprotetor de extratos e de frações semipurificadas de Chresta martii (DC.) H. Rob. e identificação do seu composto majoritário
Authors: Franco, Eryvelton de Souza
Keywords: Chresta martii;Asteraceae;3’,4’-Dimetoxiluteolina;Doenças gástricas;Úlcera gástrica;Camundongos;Flavonas
Issue Date: 31-Jan-2014
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Abstract: Chresta martii (Asteraceae) espécie encontrada na região do Xingó (semiárido do nordeste brasileiro), utilizada localmente no tratamento de disfunções gástricas. O presente trabalho teve como objetivo avaliar a toxicidade aguda e genotóxicidade (in vivo), a citotóxicidade (in vitro) e atividade gastroprotetora de extratos e de frações semipurificas de Chresta martii e identificar seu composto majoritário. Três extratos orgânicos foram obtidos a partir das partes aéreas secas de C. martii utilizando como solvente (ciclohexano - ECCm, acetato de etila - EACm e etanol - EECm); o EACm foi fracionado em coluna de sílica gel 60 eluido com clorofórmio [F1; rendimento (10%)], clorofórmio/ acetato de etila (1/1); [F2; rendimento 6%)], acetato de etila [F3; rendimento (8%)] e acetato de etila/metanol (1/1) [F4; rendimento (5%)]. A caracterização fitoquímica dos extratos foi determinada por HPLC, enquanto as frações semipurificadas foram avaliadas por CCD e os compostos isolados oriundos do refracionamento foram identificados por Espectroscopia de Ressonância Nuclear Magnética 1H-RMN e 13C-RMN. Os extratos foram avaliados quanto a toxicidade aguda em camundongos Swiss webster (CSW) (2000 – 50 mg/kg; i.p. ou v.o.), citotoxicidade in vitro (50 μg/mL) frente à linhagens de células cancerígena (HL-60, NCI-H292 e MCF-7) humana e genotoxicidade em CSW (50 mg/kg; i.p.), através da técnica de micronúcleo em células de medula óssea. Os três extratos foram avaliados quanto a atividade gastroprotetora (50, 100 ou 200 mg/kg; v.o.) frente a lesões gástricas induzidas por indometacina (40 mg/kg, s.c.) ou etanol (0,2 mL/animal; v.o.) em CSW machos (25–30 g). As frações semipurificadas F1, F2, F3, F4 (50 mg/kg; v.o.) ou F1 (12,5, 25 ou 50 mg/kg; v.o.) foram avaliadas quanto a gastroproteção frente ao modelo de úlcera induzida por etanol. Os grupos controles positivos foram tratados com ranitidina (80 mg/kg, v.o.) ou omeprazol (30 mg/kg; v.o.) ou salina 0,9% (5 mL/kg; v.o.) controle negativo. O ECCm (2000 mg/kg; v.o. ou i.p.) não apresentou nenhum indício de toxicidade aguda ou registro de óbito. A DL50 estimada para (EACm e EECm) foi de 500 mg/kg; v.o. e 200 mg/kg; i.p.. O EACm (50 μg/mL) inibiu o crescimento das células tumorais HL60 (96,54% ± 0,22%), NCIH292 (73,43% ± 1,07%) e MCF-7 (15% ± 3,59%). A fração F1 foi capaz de induzir a formação de micronúcleo nos eritrócitos policromáticos (66,67% ± 4,32%) de CSW. Dentre os extratos avaliados, o EACm exibiu significante (p<0.05) atividade gastroprotetora nos modelos utilizados. A F1 (25 mg/kg; v.o.) revelou atividade gastroprotetora superior (p<0.05) aquela exibida pela ranitidina (80 mg/kg; v.o.) no modelo de úlcera induzida por etanol. O refracionamento da F1 originou 23 subfrações e dessas foram obtidos, por recristalização, dois compostos de cor amarela, amorfo, Rf: 0,46 e 0,31 (acetato de etila: clorofórmio 5:5). Os composto isolados foram identificados como flavonas: Chrisoeriol (rendimento – 0,43%) e o 3’,4’-Dimetoxiluteolina (rendimento – 0,58%). Os extratos (EACm e EECm) e a fração (F1) de Chresta martii apresentaram potencial citotóxico (in vitro) e genotóxico (in vivo), além de exibir toxicidade aguda classificada como de leve a moderada. A identifição do composto majoritário (3’,4’-Dimetoxiluteolina) presente na Chresta martii fornece provável suporte racional para a propalada utilização da espécie no tratamento de distúrbios gastrointestinal, conforme informações etnofarmacológica e experimentais em camundongos.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/12161
Appears in Collections:Teses de Doutorado - Biotecnologia Industrial

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TESE Eryvelton de Souza Franco.pdf3.45 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons