Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/12042
Título: Tavares, Abel de Castro. Conversão, judaísmo e alteridade : narrativas de pertencimento e instâncias de reconhecimento
Autor(es): Tavares, Abel de Castro
Palavras-chave: conversão; identificação; Judaísmo; voluntarismo; agenciamento
Data do documento: 31-Jan-2014
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: Este trabalho tem por tema a conversão ao Judaísmo a que se submetem indivíduos de outras profissões religiosas – ou nenhuma, nas cidades de Fortaleza, Brasília, Recife e Montreal. Para ser considerado um judeu, as interpretações rabínicas apontam a descendência matrilinear como o caminho natural para a transmissão identitária. Na contemporaneidade, uma maior autonomia do sujeito - fornecida pelos fluxos de informações transmitidas pelas novas tecnologias, pelas ofertas religiosas e pela globalização – possibilita-lhe cambiar sua religião, sua história e seu destino. Entretanto, mesmo com autonomia para alterar sua vida e sua tradição, é imperativo que a instituição religiosa pretendida o aceite e o reconheça como um deles. É uma relação de reciprocidade, onde a conversão aparece como um percurso que só é possível compreender na sua profundidade, por meio da análise das narrativas dos candidatos que se submeteram a esse processo e do papel da instituição judaica na formação da nova identidade. Nesta tese, a opção teórico-metodológica pautada pelas modernas discussões sobre voluntarismo e agenciamento foi fundamental para a compreensão dos processos de identificação em que esses indivíduos se inscrevem, levando-os a empreender uma caminhada rumo ao Judaísmo. A busca por pertencimento e reconhecimento são os determinantes para os que se aventuram nessa caminhada, que, no caso da escolha ao Judaísmo, carrega em si um paradoxo: a possibilidade extremamente moderna de escolher uma nova identidade – voluntarismo - e a escolha e a busca – agenciamento - em direção a uma religião normativa. As considerações feitas neste trabalho sobre o fenômeno da conversão convidam o Judaísmo a um contato com a alteridade e evidenciam a necessidade de um remanejamento nas interpretações de seu próprio conceito e, principalmente, na identificação do judeu contemporâneo.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/12042
Aparece na(s) coleção(ções):Teses de Doutorado - Antropologia

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TESE Abel de Castro Tavares.pdf2,57 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.