Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/12001
Título: Representações sociais de nutrizes adolescentes sobre o apoio de sua rede social durante a amamentação
Autor(es): ALBUQUERQUE, Anvete Leal de
Palavras-chave: Adolescente; Aleitamento materno; Rede social; Enfermagem; Educação em saúde
Data do documento: 28-Fev-2014
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: O leite materno tem valor inquestionável e o desmame precoce é realidade no Brasil, principalmente entre adolescentes. O apoio diferenciado da rede social das mães adolescentes é necessário para lhes motivar e lhes auxiliar no processo de amamentação. A representação que as adolescentes têm do apoio recebido por sua rede social depende de seu contexto sociocultural e pode interferir positivamente ou negativamente na amamentação. Esta dissertação está estruturada de acordo com as normas do Programa de Pós-Graduação de Enfermagem da Universidade Federal de Pernambuco com quatro capítulos: referencial teórico, percurso metodológico, artigo de revisão integrativa e artigo original. Apresenta como objetivo identificar as representações sociais de mães adolescentes sobre os apoios recebidos de sua rede social durante a amamentação de seu filho. Para o artigo de revisão foi realizada a busca da produção científica em quatro Bases de Dados (MEDLINE, LILACS, BDENF, CINAHL) e na Biblioteca Virtual - SciELO, resultando em quatro artigos selecionados segundo os critérios de inclusão e exclusão, e submetidos à análise. Os resultados mostraram que as mães adolescentes entenderam que o apoio de sua rede social foi importante no processo de amamentação. O artigo original é um estudo descritivo, exploratório de abordagem qualitativa. Os dados foram extraídos do banco de dados da pesquisa “Rede social de apoio à mulher no contexto de aleitamento materno”, coletados por meio de entrevista semiestruturada e gravada, utilizando um roteiro com a questão norteadora: o que significa para você os apoios recebidos durante a amamentação do seu filho? A amostra foi constituída por 30 mães adolescentes. As informações foram analisadas pela técnica de análise de conteúdo da qual emergiram quatro categorias: sentimentos diversos dos apoios recebidos durante a amamentação; tipos de apoio recebidos pelas nutrizes adolescentes da sua rede social; empoderamento da nutriz adolescente; e necessidade de entrelaçamento de todos os apoios, discutidas com respaldo na Teoria das Representações Sociais e nas dinâmicas de rede social. Os resultados revelaram que as nutrizes adolescentes identificaram os apoios recebidos de diferentes maneiras, com predomínio dos sentimentos positivos; ainda, surgiram os diversos tipos de apoios, mas o informativo e o instrumental foram os mais citados. As adolescentes referiram que a rede social mais presente foi: avós maternas, companheiros, familiares, sogras e profissionais da saúde (médicos, enfermeiras, técnicos de enfermagem e agentes comunitários de saúde), entre os quais se destacaram os agentes comunitários de saúde. É necessária a construção de uma rede de apoio efetiva que considere o aleitamento materno em todos os seus aspectos, sem separar os biológicos dos sociais, culturais e históricos, respeitando a autonomia da nutriz adolescente e as possibilidades para o ato de amamentar. Este estudo mostrou que as nutrizes adolescentes representaram o apoio por meio de diversos sentimentos (bom, ajuda, tudo, orientação, aprendizado, imposição, incentivo, influências positivas e negativas) recebidos de sua rede social durante o processo de amamentação. Tais resultados devem subsidiar ações de promoção à saúde envolvendo os atores da rede social no sentido de apoiar as adolescentes nutrizes.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/12001
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Enfermagem

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO Anvete Leal de Albuquerque.pdf1,54 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons