Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/11872
Título: Boemia, aqui me tens de regresso: mundo boêmio e sensibilidades na MPB (1940-1950)
Autor(es): Nascimento, Uelba Alexandre do
Palavras-chave: Boemia; Samba; Samba canção; Relações de gênero
Data do documento: 30-Jun-2014
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: Quando falamos em boemia quase sempre vem em nossas mentes à noite, os bares, a música, os homens e suas amizades. Tema instigante e curioso, ela provoca sensações diversas aos que se propõem a estudá-la além de algumas questões interessantes. Mas o que é mesmo boemia? O que é o ser boêmio? Que sociabilidades permeiam esse mundo? Geralmente tendemos a identificar boemia com o mundo masculino, uma associação frequente e que ainda perdura nos dias de hoje. Mas será que as mulheres também não são boêmias? E se são, como podemos ver uma boemia feminina? São estas e outras questões que esta tese tenta responder, visando desconstruir algumas imagens preconcebidas que temos sobre a boemia e sobre o mundo boêmio tendo como principal fonte de pesquisa as canções de maior sucesso entre as décadas de 1940 e 1950, considerada, por muito tempo, como duas décadas sem uma produção musical de qualidade. Nosso maior objetivo é perceber dentro do universo da música popular, especialmente o samba e suas variantes, a construção do que é a boemia e o “ser boêmio”, nos revelando variados aspectos de um cotidiano noturno, permeado por sociabilidades e sensibilidades diversas, além das construções de gênero que estas canções direta ou indiretamente representam.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/11872
Aparece na(s) coleção(ções):Teses de Doutorado - História

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TESE Uelba Alexandre do Nascimento.pdf1,53 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons