Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/11861
Title: Empresa brasileira de serviços hospitalares: uma análise sobre sua gestão no contexto institucional do Hospital das Clínicas da UFPE
Authors: BARROS, Renata Tenório de
Keywords: Hospitais universitários;Rehuf;Ebserh;Fato administrativo;Racionalidade Organizacional;Administração hospitalar;Prestação de serviços – eficácia
Issue Date: 11-Apr-2014
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Abstract: Os hospitais universitários Federais (HUs) vivenciaram durante três décadas problemas crônicos relacionados às deficiências nas áreas de gestão, recursos humanos e financiamento. A partir do ano de 2003, o Governo Federal dá início a políticas públicas no sentido de recuperar essas instituições seculares. Dentre as medidas tomadas, destaca-se a criação do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf). O programa investiu principalmente em inovação do parque tecnológico e na adequação da estrutura física desses hospitais. Entretanto, questões como a recomposição da força de trabalho e a ineficiência na gestão, não puderam ser solucionadas pelo programa. Para tanto, o governo decidiu pela criação da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), entidade pública, contudo, de direito privado. Tal deliberação causou polêmica em vários setores da sociedade, em função da nova personalidade jurídica adotada para os HUs. Mediante as divergências levantadas quanto à criação da empresa e a expectativa de recuperação dos hospitais universitários a partir das mudanças propostas, o estudo objetivou avaliar como o modelo de gestão da Ebserh interfere no contexto institucional do Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Pernambuco. Para a realização da investigação foram utilizadas as pesquisas bibliográfica e documental, complementadas pela pesquisa de campo, sob a forma de entrevista. A teoria empregada no estudo foi quanto aos elementos do fato administrativo e à racionalidade organizacional, do autor Guerreiro Ramos (1966). A metodologia selecionada foi a análise argumentativa, considerando possuir mecanismos que possibilitaram extrair a percepção dos gestores quanto ao objeto do estudo. Como resultado, foi possível observar que os hospitais universitários necessitavam de um novo modelo de gestão, condizente com o dinamismo da administração hospitalar. Todavia, ainda é prematura a realização de qualquer avaliação no sentido de julgar se a Ebserh é o modelo ideal para o aperfeiçoamento da gestão dessas instituições.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/11861
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Gestão Pública para o Desenvolvimento do Nordeste

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO Renata Tenório de Barros.pdf1.47 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons