Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/11692
Título: Conhecimentos e Práticas de Educadores e Nutricionistas Sobre a Educação Alimentar e Nutricional no Ambiente Escolar
Autor(es): ALBUQUERQUE, Alicinez Guerra
Palavras-chave: Educação alimentar e nutricional; Escola; Nutricionista; Educador
Data do documento: 31-Jan-2012
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: ALBUQUERQUE, Alicinez Guerra. Conhecimentos e práticas de educadores e nutricionistas sobre a educação alimentar e nutricional no ambiente escolar. Recife, 2012. 100f. : Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Pernambuco. CCS. Nutrição, 2012.
Resumo: A educação alimentar e nutricional (EAN) consolida-se como uma estratégia para promover a saúde e a segurança alimentar e nutricional. No ambiente escolar faz-se necessário que a EAN seja vivenciada pelos escolares de modo a contribuir para construção do conhecimento sobre a alimentação e motivar práticas alimentares saudáveis. Neste âmbito destacam-se os conhecimentos e atuação dos profissionais que lidam com o processo da prática-pedagógica e alimentação escolar, respectivamente, os educadores e nutricionistas. Estes profissionais devem conhecer a EAN e sua configuração com a incumbência de implementá-la na escola. Assim, este estudo tem como objetivo analisar os conhecimentos e práticas sobre EAN na escola, na perspectiva de educadores e nutricionistas. O estudo utilizou uma abordagem qualitativa. Esse se realizou durante o período de maio a julho de 2011, e ocorreu na Secretaria Estadual de Educação do estado de Pernambuco e em uma escola estadual. Os participantes foram 7 educadores da Gerência de Políticas Educacionais, 8 professores da escola e 13 nutricionistas das Gerências Regionais de Educação, selecionados pela amostra intencional, seguindo critério de saturação. A coleta dos dados consistiu de entrevista semiestruturada individual e a análise das informações foi realizada por meio da Análise do Conteúdo Temática. Como resultados emergiram as seguintes categorias temáticas: A EAN como regra de comer certo; A finalidade da EAN: promover hábitos alimentares saudáveis; A escola: um ambiente fomentador e potencializador da EAN; Atribuições e parcerias dos atores escolares para a EAN; Barreiras do professor e nutricionista para exercer a EAN; A EAN como prática pedagógica centrada na realidade alimentar do aluno. A escola é carente em práticas de EAN; Estratégias de EAN; Limitações para a prática da EAN nas escolas. Conclui-se que os profissionais referiram diversos conhecimentos sobre a EAN voltados à promoção da saúde, ao aspecto biologicista da alimentação e a condução do seu processo educativo. Há poucas práticas de EAN na escola, norteadas pela transversalidade e interdisciplinaridade, predominando ações isoladas, sendo reflexo do pensamento fragmentado sobre a alimentação e de algumas limitações do contexto escolar. Daí a necessidade de buscar intervenções para compartilhar o conhecimento multidimensional da alimentação e poder abordá-lo nas práticas de EAN na escola.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/11692
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Nutrição

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO FINAL 27-03-12[1].pdf10,52 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons