Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/11300
Título: Estimulação transcraniana por corrente contínua associada à prática mental: efeitos dependentes dos parâmetros da estimulação sobre o aprendizado motor de indivíduos saudáveis
Autor(es): Foerster, Águida Soares
Palavras-chave: Estimulação elétrica; Aprendizado; Plasticidade neuronal
Data do documento: 15-Ago-2013
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: A estimulação transcraniana por corrente contínua (ETCC) tem sido largamente usada para modificar a excitabilidade cortical e promover o aprendizado motor. Uma vez que melhorar o aprendizado motor é o objetivo primário da terapia motora, nos últimos anos, tem sido sugerido o uso da ETCC associada à fisioterapia, no intuito de potencializar os seus efeitos terapêuticos. A presente dissertação apresenta três estudos originais realizados com a finalidade de avançar no estudo do uso da ETCC em promover o aprendizado motor. O primeiro estudo original trata-se de uma revisão sistemática intitulada “Effects of transcranial direct current stimulation on motor learning in healthy individuals: a systematic review” realizada com objetivo de sintetizar e analisar estudos prévios que tenham avaliado o efeito da ETCC sobre o aprendizado motor e, em adição, descrever os parâmetros de estimulação usados. O resultado deste estudo confirma a eficácia da ETCC em promover aprendizado motor, mas aponta para a variabilidade dos protocolos de estimulação usados, o que dificulta a translação do conhecimento para a prática clínica. Os outros dois estudos originais foram realizados com o objetivo de observar os efeitos da ETCC associada à prática mental (PM) sobre o aprendizado motor. A PM é um método de treinamento cognitivo de uma atividade motora sem desencadear a ação motora real. Dezoito voluntários destros e saudáveis foram submetidos a onze sessões experimentais divididas em três fases que tiveram como objetivo investigar se os efeitos da ETCC associada à PM eram dependentes dos seguintes parâmetros: (i) área cortical (córtex motor primário, área motora suplementar, córtex pré-motor, córtex pré-frontal dorso lateral esquerdo ou cerebelo); (ii) intensidade e duração da estimulação (1 ou 2 mA; 7 ou 13min); (iii) forma de estimulação (anódica, catódica, uni- ou bi-hemisférica). Antes e após cada sessão experimental, o desempenho motor foi avaliado considerando o tempo e a legibilidade da escrita de palavras treinadas mentalmente. Os resultados da primeira fase são apresentados no artigo intitulado “Site-specific effects of mental practice combined with transcranial direct current stimulation on motor learning” e os das outras fases no artigo “Parameter-dependent effects of transcranial direct current stimulation combined with mental practice on motor learning”. Os resultados destes estudos revelam que os efeitos da ETCC associada a PM são dependentes dos parâmetros de estimulação e apontam para o emprego da ETCC como uma terapia complementar a terapia motora na promoção do aprendizado motor.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/11300
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Fisioterapia

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação Águida Soares Foerster.pdf8,77 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons