Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/11155
Título: Aplicação do método de análise multicritério para selecionar políticas públicas de incentivo à redução da informalidade no Polo de confecções do agreste.
Autor(es): Castro, José Cícero de
Palavras-chave: Políticas Públicas; Informalidade; Método de Análise Multicritério (AHP); Polo de Confecções do Agreste Pernambucano
Data do documento: 20-Mar-2013
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: CASTRO, José Cícero de. Aplicação do método de análise multicritério para selecionar políticas públicas de incentivo à redução da informalidade no Polo de confecções do Agreste pernambucano. Caruaru, 2013. 68 f. Dissertação (mestrado) - UFPE, Centro Acadêmico do Agreste, Programa de Pós-graduação em Economia, 2013.
Resumo: Um dos grandes desafios das economias modernas consiste em conciliar o crescimento econômico e suas próprias consequências sobre a sociedade como um todo. Nesse sentido, destaque-se a dificuldade dos agentes públicos em observar ou fiscalizar questões de normas ou formalidade, especialmente em um contexto de micro e pequenas empresas. Esse é o caso, por exemplo, do Polo de Confecções do Agreste Pernambucano, onde coexiste um grande número de pequenos fabricos, dentre os quais a maioria na chamada “economia informal”. Este trabalho teve como objetivo selecionar políticas públicas de incentivo à redução da informalidade no Polo de Confecção do Agreste Pernambucano, a partir do método de análise multicritério. As informações que deram suporte a escolha da melhor política pública foram coletadas através de questionários com perguntas que compararam paritariamente os critérios (feirantes com maior faturamento, feirantes com pelo menos um funcionário e feirantes que envolvem a família nos negócios) e as alternativas de política. Posteriormente utilizaram-se as informações coletadas para a aplicação do método multicritério AHP (Analytic Hierarchy Process) de apoio à decisão. Dentre as alternativas analisadas, expansão do microcrédito, redução de impostos e aumento da fiscalização, a pesquisa demonstrou que a melhor política para reduzir a informalidade no Polo de Confecções do Agreste Pernambucano é a expansão do microcrédito.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/11155
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Economia

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO José Cícero de Castro.pdf1,83 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons