Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/11075
Title: Um estudo sobre os critérios considerados pelos investidores na tomada de decisão relativa a investimentos socioambientais
Authors: Lemos, Livia Vilar
Keywords: Investimentos Socialmente Responsáveis;Critérios Financeiros;Não Financeiros;Análise Fatorial
Issue Date: 14-Jan-2013
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: LEMOS, Livia Vilar. Um estudo sobre os critérios considerados pelos investidores na tomada de decisão relativa a investimentos socioambientais. Recife, 2012. 121 f. : Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Pernambuco. CCSA, Ciências Contábeis, 2012
Abstract: O objetivo norteador desta pesquisa foi identificar se os potenciais investidores, do mercado de capitais, contemplam os critérios não financeiros na sua tomada de decisão, sendo estes representados pela responsabilidade social corporativa das empresas. Para atingir este objetivo, foi aplicado um questionário com os investidores, cadastrados no banco de dados da empresa de Finacap - Consultoria Financeira e Mercado de Capitais, sediada em Recife – Pernambuco, e por aqueles presentes nos eventos realizados pela Apimec (Associação dos Analistas e Profissionais de Investimento do Mercado de Capitais) na cidade do Recife. A amostra da pesquisa foi de 205 participantes, no entanto, desconsideraram-se os questionários com questões não respondidas. Desta forma, 169 observações formaram a amostra final. O questionário foi dividido em 3 grupos, de acordo com o objetivo das questões: dados socioeconômicos (grupo 1); interesse de investimentos de acordo com a abordagem sobre algumas características das empresas (grupo 2); percepção sobre investimentos socialmente responsáveis (grupo 3). Os dados foram analisados por meio das análises descritiva, inferencial e fatorial. O tratamento estatístico para a análise inferencial foi alicerçado nos Testes Qui-quadrado e Exato de Fisher. Considerou-se o nível de significância de 5% nos cruzamentos realizados entre as variáveis dos grupos 1, 2, 3. Por sua vez, a análise fatorial foi aplicada, somente, nas variáveis do grupo 2, com 12 questões. A aplicação desta análise teve por finalidade identificar se os critérios não financeiros foram considerados na tomada de decisão, através da formação dos fatores. Bem como, avaliar a hipótese proposta de que os critérios não financeiros eram considerados na tomada de decisão de investimentos. Os achados evidenciaram quanto ao posicionamento sobre a responsabilidade social que 81,5% dos respondentes se consideram totalmente socialmente responsáveis. Já relativo ao posicionamento sobre os Investimentos Socialmente Responsáveis (ISR), 83,1% dos respondentes mostraram-se totalmente a favor destes investimentos. Dos investidores que se consideram socialmente responsáveis, a maioria possui de 46 a 65 anos e os indiferentes à responsabilidade social têm menos que 27 anos. Observou-se, também, daqueles investidores que se mostraram favoráveis aos ISR, 39,1% possuem de 46 a 65 anos e dos que são indiferentes aos ISR, 35,7% são menores de 27 anos. Através da análise fatorial, observou-se que 3 fatores foram constituídos. O primeiro fator continha 7 assertivas e destas 4 contemplavam critérios não financeiros voltados para a sustentabilidade. Estas assertivas foram predominantes, neste fator, tanto em termos quantitativos, quanto na relevância das suas cargas fatoriais. Desta forma, a hipótese avaliada foi confirmada e identificou-se que os critérios não financeiros são considerados na tomada de decisão do investidor quando eles compram ações.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/11075
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Ciências Contábeis

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Livia Vilar Lemos_Mestrado em Ciências Contábeis_2012.pdf1.41 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons