Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/10970
Título: Memória social e espacialidade de grupos ceramistas em Trairi, CE.
Autor(es): NOBRE, João Nilo de Souza
Palavras-chave: Memória social; Habitus; Espacialidade; Perfis Técnicos
Data do documento: 31-Jan-2013
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: Pesquisas arqueológicas na planície litorânea de Trairi-CE nos levaram a buscar uma compreensão da relação espacial entre o Sítio Boa Esperança e os locais do seu entorno que apresentavam uma cultura material semelhante, destacando entre esses locais, o sítio Aldeia de Trairi, onde foram encontrados recipientes inteiros. A partir de dados obtidos em pesquisas anteriores levantamos a hipótese de que o sítio Boa Esperança é remanescente de uma aldeia e que as áreas do seu entorno que apresentam materiais cerâmicos tecnologicamente semelhantes poderiam ter sido áreas de atividade específicas da aldeia. Desta forma, a presente dissertação foi desenvolvida com o intuito de identificar tanto a espacialidade do sítio como a tecnologia do(s) grupo(s) que ocupou a região. Utilizamos o pensamento teórico da memória social para compreender a semelhança entre os atributos tecnológicos dos materiais coletados no sítio Boa Esperança e no sítio Aldeia de Trairi. Nesta perspectiva, o conceito de Habitus serviu para pensarmos na variação artefatual a partir de pequenas modificações individuais no corpo de saberes tradicionais. Para a compreensão das formas de produção que nos forneceria parâmetros de comparação entre as coleções e nos faria perceber as semelhanças e diferenças entre os atributos tecnológicos dos materiais cerâmicos de ambas a áreas, optamos por utilizar a caracterização dos perfis técnicos do sítio e do sítio. Aliada a análise tecnológica, visamos à compreensão da espacialidade do sítio e das áreas adjacentes para que pudéssemos interpretar quais seriam os espaços dentro do sítio. Posteriormente à análise tecnológica e à comparação desta a partir dos dados espaciais, buscamos também a compreensão da relação entre essas áreas na diacronia, a partir da datação dos fragmentos cerâmicos do sítio e do sítio por meio da técnica da termoluminescência.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/10970
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Arqueologia

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação João Nilo de Souza Nobre.pdf6,53 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.