Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/10813
Título: O papel dos stakeholders para a efetivação da Logística Reversa: o caso do programa “Mundo Limpo, Vida Melhor”
Autor(es): Corrêa, Ana Paula Machado
Palavras-chave: Logística Reversa; Stakeholders; Consumo Sustentável; Desenvolvimento Sustentável; Proteção ambiental -Participação do cidadão; Comportamento do consumidor – aspectos ambientais; Sustentabilidade
Data do documento: 25-Fev-2013
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: CORRÊA, Ana Paula Machado. O papel dos stakeholders para a efetivação da logística reversa: o caso do programa Mundo Limpo, Vida Melhor. Recife, 2013. 160 f. Dissertação (mestrado) - UFPE, Centro de Ciências Sociais Aplicadas, Programa de Pós-graduação em Administração, 2013
Resumo: A negligência dos aspectos ambientais e sociais, e o privilégio da questão econômica, tem provocado degradação socioambiental e sugerido a mudança dos padrões de produção e consumo. Surge, então, o modelo do Desenvolvimento Sustentável (DS) propondo o equilíbrio das dimensões ambiental, social e econômica. Nesse contexto algumas concepções precisam ser modificadas como a que o ciclo de vida de um produto tem seu término após seu consumo e novas práticas, como a de Logística Reversa (LR), implementadas. Nota-se que diferentes stakeholders, tais como empresa, governo e sociedade precisam interagir para que seja possível o desenvolvimento da logística reversa e o alcance da sustentabilidade. Sendo assim, o presente trabalho foca-se no estudo do programa “Mundo Limpo, Vida Melhor”, da ASA Indústria e Comércio Ltda., com o intuito de responder a seguinte pergunta de pesquisa: Qual o papel dos stakeholders para a efetivação de um processo de logística reversa? A fim de fornecer suporte à investigação foram construídos referenciais teóricos sobre Desenvolvimento Sustentável, Consumo Sustentável (CS), Stakeholders e Logística Reversa. Quanto aos procedimentos metodológicos, esta dissertação tem abordagem qualitativa, é de caráter descritivo e foi definida como estudo de caso. Para fins de levantamento de dados foram realizadas entrevistas, observações, levantamentos documental, audiovisual e bibliográfico e análise de conteúdo. Na apresentação de dados e análise dos resultados, o fluxo do processo de LR do programa foi apresentado e membros dos stakeholders primários definidos pela ASA como sendo parceiros, fornecedores, governo e comunidade tiveram suas atividades analisadas. Por fim, nas considerações finais os papéis a serem desenvolvidos para a efetivação da logística reversa foram definidos como sendo colaborador, apoiador logístico, executor e incentivador.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/10813
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Administração

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO ANA PAULA MACHADO CORRÊA.pdf3,63 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons