Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/10635
Título: Logística Reversa Para Gestão de Resíduos e Coprodutos da Cadeia de Biodiesel – Estudo de Caso Em Usinas do Nordeste Brasileiro
Autor(es): ALMEIDA, Kelma Maria Vitorino
Palavras-chave: Avaliação de Desempenho Ambiental; Biodiesel; Coprodutos; Logística Reversa; Resíduos
Data do documento: 20-Dez-2012
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: A consciência ambiental sobre fontes alternativas de energia tem atraído o interesse mundial para pesquisas sobre biodiesel. No Brasil, o Programa Nacional para o Uso e Produção de Biodiesel (PNPB) foi criado em 2005. O aumento da produção de biodiesel, por sua vez, resulta numa maior geração de coprodutos e resíduos, como a torta proveniente da etapa de extração de óleo, e a glicerina do processo de produção de biodiesel, não existindo dados consolidados a respeito da gestão dos resíduos e coprodutos gerados. A logística reversa surge como uma alternativa promissora para a mitigação de potenciais impactos a partir da reinserção de resíduos e coprodutos no ciclo produtivo, agregando valor aos mesmos e propiciando benefícios ambientais, sociais e econômicos. A presente pesquisa teve como objetivo propor sistemas de logística reversa para a torta e a glicerina, geradas na cadeia produtiva de biodiesel, com base na análise da gestão destes resíduos, por meio da coleta de dados na literatura e visitas técnicas a usinas situadas no Nordeste brasileiro, entre os anos de 2011 e 2012. No desenvolvimento da pesquisa foram analisados os processos produtivos do biodiesel e as alternativas para a gestão dos resíduos e coprodutos, com foco em aspectos técnicos, ambientais, sociais e econômicos. Ao final, foram propostos modelos de sistemas de logística reversa, em conformidade com a Politica Nacional de Resíduos Sólidos (Lei Nº 12.305 de 2010). Além disso, como procedimento de validação, os sistemas de logística reversa foram analisados pela metodologia de avaliação de desempenho ambiental que demonstrou para as tortas resultantes da extração de óleo, um excelente potencial para a produção de biogás, ainda em fase de pesquisa. Com relação à glicerina destacou-se a sua purificação como a alternativa mais promissora, principalmente em virtude da transformação pela indústria química em produtos de maior valor agregado contribuindo para o fortalecimento da cadeia.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/10635
Aparece na(s) coleção(ções):Teses de Doutorado - Engenharia Civil

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Tese Kelma.pdf4,95 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons