Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/10561
Título: Possíveis efeitos da atividade de dragagem na estrutura da comunidade ictioplanctônica na região adjacente ao Porto de Aratu, Baía de Todos Santos, Bahia
Autor(es): MALTEZ, Lucas Campos
Palavras-chave: Larva de peixe; Dragagem; Impacto; Costeiro; Tropical
Data do documento: 22-Fev-2013
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: MALTEZ, Lucas Campos. Possíveis efeitos da atividade de dragagem na estrutura da comunidade ictioplanctônica na região adjacente ao Porto de Aratu, Baía de Todos Santos, Bahia. Recife, 2013. xiii, 88 folhas Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Pernambuco. CTG. Programa de Pós-Graduação em Oceanografia, 2013.
Resumo: O presente trabalho tem como objetivo avaliar o impacto da atividade de dragagem de aprofundamento do Porto de Aratu sobre a estrutura da comunidade ictioplanctônica. As coletas foram realizadas em 6 estações de amostragem, tanto na maré enchente, quanto na vazante, antes, durante e após a dragagem. O ictioplâncton foi coletado utilizando-se rede cônica, malha 500 μm, em arrastos superficiais e os parâmetros da qualidade da água (temperatura, salinidade, pH, oxigênio dissolvido, turbidez, amônia e fósforo total) também foram determinados. Não foi verificada diferença estatística significativa entre as estações de amostragem para nenhuma variável analisada, indicando que não houve influência da atividade de dragagem na variabilidade espacial da qualidade da água e da comunidade ictioplanctônica. Entretanto, foram verificadas diferenças estatísticas significativas para a variabilidade temporal de todos os parâmetros de qualidade da água, exceto a turbidez, e nos índices estruturais da comunidade (densidade de ovos e larvas, riqueza, equitabilidade e diversidade). O período da dragagem apresentou as menores densidades de ovos e larvas, além de menor riqueza e diversidade de táxons, com posterior recuperação no período da pós-dragagem. A Análise de Redundância demonstrou uma separação clara entre as amostragens, demonstrando haver uma variabilidade temporal na distribuição e abundância do ictioplâncton na área portuária de Aratu, em resposta às características oceanográficas da massa de água e alterações na qualidade, possivelmente associadas à atividade de dragagem.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/10561
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Oceanografia

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO Lucas Maltez.pdf1,09 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons