Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/1026
Title: Comportamento de forrageio e utilização de ferramentas pelo Cebus flavius (PRIMATES: CEBIDAE) na natureza
Authors: BIONE, Camila Barreto Campello
Keywords: Cebus flavius; Comportamento de forrageio; Tipo de presa; Preferências individuais; Utilização do estrato; Uso de ferramentas
Issue Date: 31-Jan-2011
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Barreto Campello Bione, Camila; da Silva Souto, Antonio. Comportamento de forrageio e utilização de ferramentas pelo Cebus flavius (PRIMATES: CEBIDAE) na natureza. 2011. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Biologia Animal, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2011.
Abstract: O presente estudo teve como objetivo investigar a composição de invertebrados na dieta do macaco prego galego (Cebus flavius) na natureza, verificar a utilização vertical da mata pelos indivíduos, diferenciar os comportamentos de captura utilizados pelos animais e relacionar estes comportamentos a diferentes tipos de presa. Ainda, foi investigado se ocorrem preferências individuais na utilização destes comportamentos. Foi observado, também, se o C. flavius utiliza ferramentas durante o forrageio. O estudo foi conduzido com um grupo composto por seis animais em um fragmento de Mata Atlântica de 94 ha, localizado na Mata da ASPLAN (Paraíba, Brasil). Os invertebrados capturados foram classificados em quatro categorias, de acordo com seu tamanho e sua capacidade de fuga (pular e/ou voar). O fragmento de mata foi dividido em três estratos verticais: solo, média altura e copa. Foram visualizados 18 comportamentos associados ao forrageio, sendo 10 destes referentes a comportamentos de captura de presas. A aquisição de presas maiores e com capacidade de fuga mais elaborada (ex. borboletas) foi realizada através de estratégias específicas mais apropriadas, como impulsos fortes dos membros superiores, e a captura de presas menores e que não apresentam capacidade de pular e/ou voar (ex. formigas) foi feita através de comportamentos menos complexos, tal como a simples manipulação do substrato. Os animais utilizaram os três estratos verticais da mata em proporções diferentes, sendo o de média altura o mais usado. Os animais adultos apresentaram, ainda, preferências individuais sobre qual comportamento de captura usar em três das quatro categorias de presa. Três indivíduos do grupo foram observados modificando e utilizando gravetos para pescar cupins em cupinzeiros. Os animais usaram duas técnicas para aumentar o seu sucesso de captura dos cupins: bater no ninho e rotacionar o graveto. Os resultados sugerem que as estratégias usadas pelo macaco prego galego para capturar presas é dependente do tamanho e habilidade de fuga da presa e das preferências individuais dos animais. A utilização de ferramentas pelo C. flavius enfatiza, ainda, como características do macaco prego, tais como habilidade motora e de aprendizado individual e social, entre outras, podem contribuir para o incremento do comportamento de forrageio
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/1026
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Biologia Animal

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo3007_1.pdf2.14 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.