Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9257
Título: Análise dos princípios da programação da saúde no Projeto Municípios Saudáveis no Nordeste do Brasil: a experiência de Sairé - PE
Autor(es): MEDEIROS, Pollyanna Fausta Pimentel de
Palavras-chave: Promoção da Saúde; Município Saudável; Participação e Intersetorialidade
Data do documento: 31-Jan-2008
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Fausta Pimentel de Medeiros, Pollyanna; Maria Pereira Franco de Sá, Ronice. Análise dos princípios da programação da saúde no Projeto Municípios Saudáveis no Nordeste do Brasil: a experiência de Sairé - PE. 2008. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2008.
Resumo: Este trabalho teve como objetivo analisar como o Projeto Municípios Saudáveis do Nordeste do Brasil, em Sairé, coloca em prática a Promoção da Saúde, através dos pilares da intersetorialidade e da participação social. Foram realizadas entrevistas semi-estruturadas com os gestores municipais e estaduais, representantes das comunidades do município e equipe técnica do órgão executor do projeto, as quais foram analisadas por meio de análise de conteúdo. A partir da abordagem qualitativa, pôde-se identificar que os entrevistados tinham entendimento sobre a participação social como uma ação realizada através de interação e mobilização em conjunto, com pessoas com um objetivo em comum; e que também se configura como uma questão de afirmação da cidadania. O entendimento sobre a intersetorialidade apontou para a capacidade de trabalhar em conjunto com vários setores e/ou grupos de pessoas, com o objetivo de minimizar os problemas sociais. A implementação do Projeto Municípios Saudáveis no Nordeste do Brasil em Sairé não constitui uma tarefa fácil, é um aprendizado permanente e um processo em constante construção. Além disso, a complexidade da realidade social exige vários olhares, diversas maneiras de abordagem, aglutinando saberes e práticas para o entendimento e a construção integrada de soluções que garantam à população uma vida de melhor qualidade, de maneira participativa e intersetorial. Identificou-se a promoção da saúde em horizontalidade entre os campos de saberes envolvidos; fortalecimento teórico-prático no campo do desenvolvimento local; articulação de diversas instâncias relacionadas às áreas Universidade, Governo, cooperação internacional, profissionais e comunidade. Apesar da repercussão positiva, o projeto apresenta limites, e estes residem no entendimento de que a participação social e a intersetorialidade são pilares fundamentais para a sustentabilidade do Projeto Município Saudável em Sairé e que é preciso ampliar e recriar possibilidades de agregação desses valores junto à comunidade
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9257
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Saúde Coletiva

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo4159_1.pdf447,53 kBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.