Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/7264
Title: Leitura e cognição no hipertexto
Authors: Ferreira Da Silva, Eliezer
Keywords: leitura online;verbete;cognição
Issue Date: 31-Jan-2008
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Ferreira Da Silva, Eliezer; Padilha Peixoto Pinto, Abuêndia. Leitura e cognição no hipertexto. 2008. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Letras, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2008.
Abstract: O computador tem revolucionado o modo como o ser humano se relaciona consigo mesmo, com o outro e com o mundo. Ele permitiu a criação de interfaces gráficas avançadas que possibilitaram ao usuário comum , (usuário sem conhecimento de programação), expandir sua criatividade e estabelecer novas formas de se comunicar. Dentre essas formas, estão o email, o Chat, os fóruns da Internet, as comunidades virtuais e os portais de referência, como a Wikipédia. Esta tem sido apontada como o maior trabalho colaborativo, online, projetado para a construção de uma base de dados de verbetes, em todas as áreas do conhecimento humano, e em várias línguas. Em vista do exposto, este trabalho busca verificar como os alunos do Curso de Letras captam e avaliam a leitura na Internet a partir do verbete online em contraste com sua experiência como leitor do material impresso . Para tal, foram selecionados alunos, cursando entre o 6º e o 8º períodos, com habilitação em Português /Inglês, Português/ Espanhol e Vernáculo. Antes da leitura online, os informantes responderam a dois questionários: um sóciocultural e outro metacognitivo, como instrumentos de coleta de dados. Ainda dentro dos instrumentos de coleta de dados, utilizamos dois verbetes de duas áreas diferentes, encontrados no portal da Wikipédia, versão portuguesa; cuja leitura e comentários dos alunos foram gravados no computador. A análise dos dados sugeriu que, o uso de textos da área de conhecimento do leitor, além de produzir mais inferências, pode também ajudar na receptividade do texto. Em contrapartida, textos que não são da área de conhecimento do leitor exigem mais esforço na produção de sentidos, e portanto, têm menor receptividade.Os dados das coletas e os questionários mostraram que a leitura virtual ainda provoca ansiedades e dúvidas nos leitores; e que, mesmo com uma atitude positiva em relação ao meio digital, os leitores, em sua maioria, ainda preferem o material impresso, seja por fatores de legibilidade , como a ausência de links, seja por outros fatores, como a autoria
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/7264
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Linguística

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo3541_1.pdf1.67 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.