Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6627
Título: Estudos sedimentológicos na plataforma continental interna adjacente às desembocaduras sul do canal de Santa Cruz e do rio Timbó, norte do estado de Pernambuco
Autor(es): LIMA, Damísia Carla Cunha
Palavras-chave: Plataforma de Pernambuco; Sedimentologia; Plataforma Continental
Data do documento: 2003
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Carla Cunha Lima, Damísia; Maria Mafra Valença, Lúcia. Estudos sedimentológicos na plataforma continental interna adjacente às desembocaduras sul do canal de Santa Cruz e do rio Timbó, norte do estado de Pernambuco. 2003. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Geociências, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2003.
Resumo: A área em estudo está localizada na plataforma continental interna norte do Estado de Pernambuco, no trecho compreendido entre as desembocaduras sul do Canal de Santa Cruz (Município de Itamaracá) e a do Rio Timbó (Município de Paulista), situada entre as coordenadas UTM 9138000 a 9132000 Latitude e 297000 a 300000 Longitude. O presente trabalho foi conduzido com o objetivo de determinar as características sedimentológicas dos depósitos que atapetam o fundo desta plataforma interna. Foram realizadas análises para identificação das fácies texturais, cálculo de parâmetros estatísticos, para caracterização dos sedimentos e análise multivariada para determinar o ambiente deposicional dominante. Os resultados mostram que na área domina a fácies areia, com predominância das frações média e fina e que existe tendência de granodecrescência em direção à plataforma média. Os sedimentos apresentam seleção moderada, com grau de assimetria aproximadamente simétrico e distribuições leptocúrtica a mesocúrtica indicando um nível de energia alto, em conseqüência da grande influência de ondas, correntes fluvial, de deriva e de maré. A influência deposicional dominante é costeira sendo as areias provenientes, possivelmente, das áreas em erosão à sul do litoral do Município de Paulista. Os grãos são constituídos principalmente de quartzo brilhante, com variadas proporções de bioclastos (de algas, fragmentos e partes inteiras de foraminíferos, gastrópodes, bivalves, etc.). São predominantemente subangulosos a subarredondados, com esfericidade alta nas frações mais grossas, e muito angulosos a angulosos nas frações mais finas
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/6627
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Geociências

Arquivos deste item:
Não existem arquivos relacionados com este item.


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.