Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/5189
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorMenezes Campello de Souza, Fernando pt_BR
dc.contributor.authorNadler Lins, lucianopt_BR
dc.date.accessioned2014-06-12T17:36:57Z-
dc.date.available2014-06-12T17:36:57Z-
dc.date.issued2004pt_BR
dc.identifier.citationNadler Lins, luciano; Menezes Campello de Souza, Fernando. Modelagem dinâmica de processos reguladores do comportamento humano nas organizações. 2004. Tese (Doutorado). Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2004.pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/5189-
dc.description.abstractModelos de processos dinâmicos que regulam o comportamento humano em ambientes organizacionais são apresentados. A quantificação dos elementos comportamentais em organizações, tradicionalmente tratados de maneira qualitativa e descritiva, permite o estabelecimento de inferências sobre comportamentos futuros de trabalhadores atuando em um processo produtivo. A técnica advinda de Sistemas Dinâmicos, uma ferramenta matemática baseada em Cálculo Diferencial que pode agregar simultaneamente as múltiplas teorias comportamentais existentes, é a abordagem analítica selecionada para o problema. Existe uma ênfase especial de assumir hipóteses lineares, significando que sistemas lineares de equações diferenciais são inicialmente introduzidos. Entretanto, o aparecimento de não-linearidades em certos aspectos exige modelos construídos e soluções adquiridas com o recurso de equações diferenciais não-lineares. Dois modelos de transição intergrupal são inicialmente apresentados, mas uma abordagem visando a compreensão mais detalhada sobre os mecanismos internos em operação conduz o foco para um modelo individual autônomo. Os processos psicológicos considerados mais importantes são aqueles ligados a mecanismos de recompensa, motivação e aprendizagem. O nível de produção individual esperado e sua relação com as características individuais e situacionais puderam ser determinados pela expressão algébrica dos pontos de equilíbrio. Uma definição de maturidade baseada no valor de equilíbrio da produção é sugerida como uma medida do desempenho individual frente a uma situação. A análise subseqüente da estabilidade identificou a sensibilidade dos pontos de equilíbrio para perturbações locais, e também as condições de transição para tais pontospt_BR
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superiorpt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal de Pernambucopt_BR
dc.subjectTrabalhadorespt_BR
dc.subjectAmbientes organizacionaispt_BR
dc.titleModelagem dinâmica de processos reguladores do comportamento humano nas organizaçõespt_BR
dc.typedoctoralThesispt_BR
Aparece na(s) coleção(ções):Teses de Doutorado - Engenharia de Produção

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo7419_1.pdf1,93 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.