Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/4653
Título: Concepções de alunos de pedagogia sobre os conceitos de comprimento e perímetro
Autor(es): Gomes Teixeira, Suelly
Palavras-chave: Concepções;Comprimento;Perímetro
Data do documento: 2004
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Gomes Teixeira, Suelly; Câmara dos Santos, Marcelo. Concepções de alunos de pedagogia sobre os conceitos de comprimento e perímetro. 2004. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2004.
Resumo: Esta pesquisa faz parte de um conjunto de trabalhos desenvolvidos pelo Grupo Pró-Grandezas, do Programa de Pós-Graduação em Educação da UFPE, e tem como objetivo geral investigar as concepções de alunos de pedagogia sobre os conceitos comprimento e perímetro. O suporte teórico de nossa investigação tem raízes nas pesquisas de Règine Douady & Marie-Jeanne Perrin-Glorian (1989), que diferenciam, no estudo do conceito de área, três quadros, a saber: o geométrico, constituído pelas superfícies planas e seus contornos; o das grandezas, constituído por classes de equivalência de superfícies de mesma medida; e, por último, o numérico, constituído pelas medidas das superfícies expressas por meio de números reais positivos. A parte experimental deste trabalho iniciou pela elaboração e realização da análise preliminar de um conjunto de 7 (sete) atividades de comparação e produção, que foram resolvidas por alunos de 2º e 8º períodos do curso de Pedagogia, da Faculdade de Formação de Professores de Nazaré da Mata, sendo realizadas no ambiente papel e lápis. Os resultados da pesquisa revelaram que os alunos, dependendo da atividade, apresentavam concepções diferenciadas, ora situadas no quadro das grandezas, ora situadas no quadro geométrico, sendo esta última marcante nas atividades que envolviam figuras fechadas. Foi observado, ainda, que a inclusão do termo perímetro , a partir da 5ª atividade, causou uma certa desestabilização em alguns alunos, uma vez que eles vinham apresentando uma determinada estratégia a de fazer a comparação pelos comprimentos dasfiguras , sendo imediatamente modificada na presença do conceito perímetro, ou seja, eles passaram a comparar as figuras pela forma e não mais por seus comprimentos. A análise das atividades constituiu-se na parte final da pesquisa, que levou a conclusões e propostas de novas investigações visando a um aprofundamento nas questões referentes às concepções de alunos sobre os conceitos de comprimento e perímetro
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/4653
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Educação

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo5726_1.pdf1,47 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.