Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/4491
Title: A aula universitária, espaço de múltiplas relações, interações, influências e referências: um ninho tecido com muitos fios
Authors: de Santa Clara Cordeiro, Telma
Keywords: Aula Universitária; Prática Pedagógica; Formação Humana; Transição Paradigmática
Issue Date: 2006
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: de Santa Clara Cordeiro, Telma; Cristina Loureiro Alves Jurema, Ana. A aula universitária, espaço de múltiplas relações, interações, influências e referências: um ninho tecido com muitos fios. 2006. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2006.
Abstract: Esta pesquisa, desenvolvida no período de 2002-2006, tem como objeto de estudo a aula universitária. O objetivo é identificar as bases epistemológicas que fundamentam a aula nesse contexto específico, compreender como ela se constitui e se institui e quais as sinalizações de uma prática pedagógica na perspectiva da formação humana na integralidade. O estudo parte da concepção de educação como processo de humanização, conforme teorias de Paulo Freire e Martin Buber, para os quais o diálogo e a ética são princípios fundamentais nesse processo. Situa o objeto no contexto da transição paradigmática, seguindo Boaventura Santos e Edgar Morin na crítica que fazem à modernidade e no anúncio de uma nova ciência. Adota teorias pedagógicas que têm a aula como objeto da Didática, lugar privilegiado da formação universitária e um dos espaços da profissionalização docente, a exemplo dos estudos de Isabel da Cunha e Cleoni Fernandes. O problema da pesquisa remete a uma abordagem metodológica de base filosófica fenomenológico-dialética, a partir das teorias de Antônio Rezende, haja vista o intento de compreender os sentidos de um fenômeno que é cultural e se configura numa experiência vivida. Utiliza metáforas: o vôo da gaivota para representar a própria pesquisa; o ninho, o objeto de estudo; e os pássaros cantantes, os sujeitos da pesquisa. Define como unidade de análise o Centro de Ciências da Saúde da UFPE, cujo objeto empírico é a sala de aula do Curso Médico. Adota os recursos da observação de sala de aula e da entrevista na coleta de dados. Interpreta os discursos dos professores e dos alunos acerca de suas vivências na aula. Os dados indicam que a aula universitária se constitui numa complexa relação entre práticas aninhadas compartilhadas o currículo na sua expressão mais objetiva da aula, a sala de aula, o ensino-aprendizagem, a docência e práticas aninhadas concorrentes as políticas públicas de saúde, os movimentos sociais relativos à saúde da população e as práticas médicas. Apreende os sentidos que emergem do empírico, expressando contraditórias relações entre: teoria-prática, competênciacompetição, individual-coletivo, geral-específico. Identifica elementos que se aproximam e elementos que se distanciam da formação humana na integralidade e trazem as marcas de um tempo e de um lugar específicos. Em síntese, o estudo revela que a aula universitária se constitui e se institui numa dupla dimensão, regularidade plural e diversidade, as quais, contraditoriamente, produzem uma marca de singularidade no contexto do Curso Médico
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/4491
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo5356_1.pdf1.15 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.