Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/1961
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorFreire Brelaz de Castro, Jaelson pt_BR
dc.contributor.authorFrancisco Araya Santander, Victorpt_BR
dc.date.accessioned2014-06-12T15:53:29Z-
dc.date.available2014-06-12T15:53:29Z-
dc.date.issued2002pt_BR
dc.identifier.citationFrancisco Araya Santander, Victor; Freire Brelaz de Castro, Jaelson. Integrando modelagem organizacional com modelagem funcional. 2002. Tese (Doutorado). Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2002.pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/1961-
dc.description.abstractEntre as principais preocupações no desenvolvimento de software, destacamos a necessidade de elicitar, compreender e especificar adequadamente os requisitos de sistemas de software. Este trabalho é realizado em conjunto por engenheiros de requisitos e usuários e/ou clientes que solicitam o software. A Engenharia de Requisitos tem apresentado algumas técnicas para auxiliar neste processo. Técnicas baseadas em cenários têm sido bastante utilizadas e recebido uma atenção especial. Cenários podem ser utilizados para descrever as interações entre usuários e sistemas de software, objetivando alcançar algo relevante para o usuário no uso do sistema. Neste contexto, Caso de Uso é um tipo de técnica baseada em cenários que tem se destacado. Isto decorre do fato, de que Casos de Uso, integram e são considerados essenciais na UML (Unified Modeling Language), uma linguagem padronizada para modelagem visual, a qual tem sido considerada um dos mais importantes avanços no paradigma de desenvolvimento orientado a objetos. Tipicamente, Diagramas de CASOS DE USO têm sido usados para capturar requisitos funcionais do sistema a ser desenvolvido. Contudo, o desenvolvimento de sistemas computacionais ocorre dentro de um contexto no qual processos organizacionais estão bem estabelecidos. Portanto, é preciso capturar os requisitos organizacionais para definir como o sistema pretendido irá satisfazer os objetivos da organização, por que ele é necessário, quais as alternativas existentes, quais as implicações das alternativas para as várias partes interessadas, etc. Lamentavelmente, UML e técnicas baseadas em cenários em geral, não estão equipadas para modelar os requisitos organizacionais. Precisamos de outra técnica, tal como i*, para representar estes aspectos. Contudo, os requisitos organizacionais precisam ser relacionados aos requisitos funcionais, representados através de Diagramas de Caso de Uso. Neste trabalho, mostramos a viabilidade e as vantagens de integrar i* e Casos de Uso. São descritas algumas diretrizes para auxiliar engenheiros de requisitos a desenvolver Diagramas de Caso de Uso em UML a partir dos modelos organizacionais propostos na técnica i*. Aplicamos estas diretrizes ao problema bastante conhecido de Agendamento de Reuniões (Meeting Scheduler) e a uma aplicação de comércio eletrônicopt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal de Pernambucopt_BR
dc.subjectCenáriospt_BR
dc.subjectModelagem Organizacionalpt_BR
dc.subjectEngenharia de Requisitospt_BR
dc.titleIntegrando modelagem organizacional com modelagem funcionalpt_BR
dc.typedoctoralThesispt_BR
Aparece na(s) coleção(ções):Teses de Doutorado - Ciência da Computação

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo5188_1.pdf1,65 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.