Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/18713
Title: Sobre diásporas e ausências : limites do Estado e a construção de uma sociedade civil migrante centro-americana
Authors: VITORINO, Juliana Mércia Guilherme
Keywords: Diáspora;América Central;Migrações;Sociedade Civil Migrante;Diáspora;América Central;Migraciones;Sociedad Civil Migrante
Issue Date: 23-Sep-2016
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Abstract: Esta tese tem como objetivo verificar a existência de uma diáspora centroamericana e como ela está articulada. A partir do uso de conceitos advindos das Teorias de Diáspora, verificou-se importantes limitações para a interpretação do objeto através desta escolha teórica. Em suma, as Teorias de Diáspora, apesar de pretender explicar processos migratórios massivos, não leva em conta os contextos locais que impulsionam a formação de grandes grupos em dispersão. No caso centro-americano, observou-se que a ferida colonial moldou as transformações culturais, políticas, econômicas e sociais que acompanham os países do istmo mesmo após suas independências. Conceitos como colonialidade do poder, colonialismo interno e necropolítica foram importantes para demonstram como se construíram necessidades populares nunca satisfeitas e a suposta vocação para a migração dos povos centro-americanos. A partir da análise de organizações de migrantes é possível enxergar que tipo de atuação política os migrantes centro-americanos conservam, que vínculos com seus países foram preservados e como, em lugar de uma diáspora, formou-se uma sociedade civil migrante.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/18713
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Ciência Política

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese_Ciência Política_Juliana Vitorino_2016.pdf2.61 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons