Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/18650
Título: Disparidades regionais no acesso a medicamentos no Brasil: uma análise empírica
Autor(es): TONÉO JÚNIOR, José Ferreira
Palavras-chave: Acesso a medicamentos. Desigualdades Regionais. Decomposição de Fairlie; Access to medicines. Regional Inequalities. Fairlie’s Decomposition.
Data do documento: 13-Jun-2016
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: Objetivou-se analisar, em geral, os determinantes do acesso a medicamentos prescritos no âmbito do Sistema Único de Saúde- SUS nas regiões brasileiras, que tiveram prescrição no próprio sistema público e identificar possíveis determinantes das disparidades regionais deste acesso. Analisaram-se dados da Pesquisa Nacional de saúde – PNS em 2013. Através de métodos econométricos multivariados. A amostra foi composta por indivíduos que tiveram medicamentos receitados no SUS nas duas semanas anteriores à entrevista (n=11.910). A variável dependente foi o acesso à totalidade dos remédios receitados no sistema. Pouco menos da metade da população que teve medicamentos prescritos os obteve no próprio sistema público, número mais elevado entre os habitantes das regiões sul e sudeste, os de raça não branca, com menor escolaridade e entre aqueles que residem em domicílios cadastrados na Estratégia de Saúde da Família (ESF). As diferenças do acesso foram bem expressivas quando comparadas entre as regiões do Brasil. Os resultados reforçam a necessidade de políticas que diminuam as desigualdades no acesso a medicamentos no país.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/18650
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Gestão e Economia da Saúde

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTACAO JOSÉ FERREIRA - PPGGES 2016.pdf620,74 kBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons