Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/18493
Título: Desenvolvimento de estratégias vacinais contra o Câncer de colo de útero baseadas em “Vírus-Like Particles” e imunização genética
Autor(es): COIMBRA, Eliane Campos
Palavras-chave: Papilomavírus Humano; Virus-Like Particle; Gene E5; vacina de DNA; DNA vaccine; Human Papillomavirus; Colo uterino - câncer
Data do documento: 4-Set-2012
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: O câncer cervical é considerado o segundo tipo de tumor a ocasionar maior número de mortes entre as mulheres no mundo,e ainfecção pelopapilomavirus humano (HPV) éa principalcausarelacionada com o desenvolvimento desta neoplasia. No Brasil, o câncer cervicalproduz uma média de 2,5 óbitos/100.000 indivíduos.Atualmente existem duas vacinas no mercado, baseadas em “Vírus-Like Particles”(VLPs), mas o alto custo inviabiliza seu uso pelos países em desenvolvimento. As VLPs de HPV são produzidasa partir daproteína capsidial L1, contra aqual é conferidaforte imunidade humoral.Uma estratégia vacinalorientada para a prevenção do câncer cervical em humanosé muito importante para a saúde pública, no entanto, como hámuitas pessoas já infectadas peloHPV, uma abordagem terapêutica se torna necessária.Neste trabalho foi proposta a expressão do gene L1 de HPV-16 em células da levedura Pichia pastoris, como base de uma estratégia preventiva e a construção de uma vacina de DNA baseada na proteína E5 do HPV-16, identificadacomo potencialantígeno tumoral para terapia docâncer. O gene L1 otimizado de HPV-16 foi clonado em vetor de expressão pPGK para integração no genoma de P. pastoris, sua transcrição foi confirmada por RT-PCR e a expressão da proteína detectada por dot blot, colony blot e western blot.A vacina de DNA foi construída pela inserçãodo gene E5 de HPV-16 otimizado e adicionado doepítopo AU1, novetor pCIneo.Para estudo inicial da funcionalidadeda construção vacinalpCI-E5sintH16, foi realizadaumaanálise in vitroem célulasHEK-293, através de RT-PCRe western blot.O estudo do gene E5 de HPVcomoantígeno terapêutico,apesar depouco exploradoainda, é bastante relevante.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/18493
Aparece na(s) coleção(ções):Teses de Doutorado - Inovação Terapêutica

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2012-Tese-ElianeCoimbra.pdf1,95 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons