Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/12351
Título: Geração dinâmica de comitês de classificadores através da ordenação de competências e estabelecimento de critério de corte
Autor(es): MORAIS, Paulo Fagner Tenório Barros de
Palavras-chave: Comitês de classificadores; Seleção Dinâmica de Comitês; Regiões de Competência; Aprendizado de máquina
Data do documento: 28-Fev-2013
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: MORAIS, Paulo Fagner Tenório Barros de. Geração dinâmica de comitês de classificadores através da ordenação de competências e estabelecimento de critério de corte. Recife, 2013. 97 f. Dissertação (mestrado) - UFPE, Centro de Informática, Programa de Pós-graduação em Ciência da Computação, 2013
Resumo: Sistemas de Múltiplos Classificadores se tornaram uma alternativa quando se busca elevar o desempenho de um sistema de classificação. A ideia se baseia na combinação de diferentes classificadores, os quais devem ter visões complementares sobre um mesmo problema. Este trabalho apresenta uma metodologia para a geração dinâmica de comitês de classificadores, estratégia baseada na premissa de que nem todo classificador é um especialista em todo o espaço de características, de forma que a cada padrão a ser classificado, na fase de operação, é atribuído um comitê específico para esta tarefa. O sistema proposto neste trabalho opera em duas etapas. Na primeira, um conjunto inicial de classificadores é gerado utilizando uma metodologia consagrada na literatura, como por exemplo o algoritmo Bagging. Na segunda etapa, durante a fase de operação do sistema, para cada padrão a ser classificado, uma nota é atribuída a cada classificador do conjunto inicialmente gerado, os quais são ordenados em ordem decrescente de nota. Esta nota, chamada de valor de competência, representa o grau de aptidão que cada classificador possui para realizar classificações na região do espaço de características onde se localizam os padrões a serem classificados e é calculada com base no desempenho local dos classificadores sobre um conjunto de validação composto por dados não vistos durante o treinamento do conjunto inicial de classificadores. Neste cálculo é utilizada uma medida do desempenho de classificação de todo conjunto original de classificadores sobre cada padrão de validação, visando à estimação de valores de competências mais precisos. Em seguida, é aplicado um método proposto para a escolha da fração ideal do comitê ordenado a ser utilizada na classificação do padrão de teste atual. Este método define o tamanho do comitê dinamicamente. Foram realizados experimentos comparativos, sobre problemas de classificação binária, a partir dos quais a eficiência do método proposto é evidenciada. Experimentos mais específicos demonstraram que os métodos propostos para a extração dos valores de competência, bem como a definição dinâmica do tamanho do comitê, geram ambos, individualmente, contribuição positiva para os resultados do método.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/12351
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Ciência da Computação

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertacao Paulo Fagner de Morais.pdfDissertação de mestrado792,37 kBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons