Fortes, paliçadas e redutos enquanto estratégia da política de defesa portuguesa (o caso da capitania de Pernambuco 1654-1701)

Idiomas

Busca avançada

Arquivos deste item

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)


Compartilhe esta página